VIVO A VIDA
AO MÁXIMO

Faço surf, salto de paraquedas, treino todos os dias para surfar ondas grandes.
Sou acima de tudo um viciado em adrenalina.

“Em 1995, com 18 anos de idade sofri um acidente com arma de fogo me deixou tetraplégico e encontrei naquele que parecia ser o pior dia da minha vida, uma porta aberta para uma vida melhor. Tendo feito bodyboard desde os 12 anos, o acidente colocou-me numa cadeira de rodas e fez-me ficar 10 anos sem surfar. No entanto, a capacidade de autosuperação foi mais forte e voltei a surfar.

Fui atleta paralímpico de natação, dou palestras, motivo outros a seguirem o seu sonho, porque apesar de muitas vezes os olhos não verem ou as pernas se transformarem em duas rodas, existe sempre um coração que sente!

Vivo a vida ao máximo e … faço surf, salto de paraquedas, treino todos os dias. Sou acima de tudo um viciado em adrenalina.

Sou fundador da SURFaddict – Associação Portuguesa de Surf Adaptado.

Muito mais que o reconhecimento, inspiro os outros a serem melhores. O meu lema “Nós não queremos saber se é difícil, apenas se é possível!”

— Nuno Vitorino

Fotos: Art In Light – Photography | André Ryder Photography | Red Bull Content | ISA|Chris Grant, frAmed